1º Fórum de Debates alerta sobre violência contra crianças e adolescentes

  Quarta, 06 de novembro de 2019
  ASCOM / PMPA    |      

    O evento, realizado pela Secretaria de Desenvolvimento Social, reforçou a busca pela 4ª certificação de Paulo Afonso como município aprovado pelo Selo Unicef

    Com o objetivo de construir um espaço para debater aspectos relacionados à violência que atinge o público infantojuvenil no Brasil, com foco especial no município de Paulo Afonso, a Prefeitura realizou nesta quarta-feira (6), o 1º Fórum de Debates sobre Violência Contra Crianças e Adolescentes.

    O evento, realizado pela Secretaria de Desenvolvimento Social, reforçou a busca pela 4ª certificação de Paulo Afonso como município aprovado pelo Selo Unicef. O encontro, que aconteceu no auditório do Memorial Chesf, contou com a presença da secretária interina de Desenvolvimento Social, Cíntia Rosena; da presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, Járlita Valéria; da articuladora do Selo Unicef, Ana Rúbia, além de representantes do Ministério Público, Poder Judiciário, Polícia Militar e instituições socioassistenciais públicas e privadas.

    Cíntia classificou o Fórum como importante para discutir políticas públicas voltadas para crianças e adolescentes. A secretária reforçou o comprometimento do governo municipal com a realização de ações que valorizem o público-alvo dos debates.

    “É um momento de grande relevância. Quando nós fazemos uma análise do que já foi feito, e, enquanto gestores públicos, reafirmamos o compromisso de incluir nas prioridades ações que contribuam com uma vida melhor para as crianças e adolescentes do nosso município”, disse.

    As duas palestras proferidas pelo professor da Uneb, Ivandro Menezes, e pela doutoranda em Direito pela Ufba, Manuella Vergne, descreveram as diversas formas de violência praticada contra crianças e adolescentes e como enfrentá-las.

    “O tema das palestras deste Fórum é uma soma de diversos fatores que determinam a violência. Normalmente, nós percebemos a violência mais evidente, mas existem outros tipos que colocam a criança em situações que dão sustentação aos fatores que chamamos de estruturais. Esse conjunto de situações pode culminar em danos maiores, e nós temos que estar atentos para não cometer erros na forma de educar nossos filhos”, enfatizou Ivandro.

    A assistente social Cecilma Rgina, do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), apresentou o retrato atual da violência contra crianças e adolescentes em Paulo Afonso e as atividades desenvolvidas pela gestão municipal, em parceria com outras instituições, para reduzir os índices.

    Visualização da imagem

    Visualização da imagem

Nossos parceiros
Nossos parceiros
Nossos parceiros
Nossos parceiros
Nossos parceiros
SOBRE O SITE PAULO AFONSO | TEM

O site pauloafonsotem é formado por uma ótima equipe de colaboradores que fazem o site andar, deixando o mesmo sempre atualizado com notícias de qualidade para orgulhar cada vez mais todos os nossos internautas! Desde 2010 trazendo conteúdo e informação para você.
QUER ANUNCIAR?

Entre em contato, e faça a sua divulgação conosco! "QUEM NÃO É VISTO NÃO É LEMBRADO" Telefone: 75-98845-4011 | 75-99227-3793 ou se preferir E-mail: pauloafonsotem@hotmail.com!
PREVISÃO DO TEMPO

RECENTES POSTS

Todos os direitos reservados - Desenvolvimento: Ewerton Miranda